#mulheresquefotografam // Ursula Jahn

Meu nome é Ursula Jahn, tenho 25 anos, nasci em São Sebastião do Caí e moro há 20 anos em Montenegro. Sou graduada em Fotografia e atualmente sou estudante de Artes Visuais. Sou uma das integrantes do Nítida – fotografia e feminismo.

Meu trabalho fotográfico é muito autobiográfico e se concentra na percepção do corpo feminino e na autoimagem na fotografia.

Em minha produção fotográfica, apresento a percepção da figura feminina. Para tanto, parto da própria experiência para partilhar a visão do outro sobre o corpo feminino, suas agressões, limitações e um corpo em permanente mutação. Um corpo que se transforma naquilo que ele quiser. Trabalho assim três eixos: Qual o papel do corpo feminino na atualidade? Que corpo é esse representado por mulheres para mulheres? De que maneira ele é representado?

Trabalhando com meu próprio corpo, me insiro em um processo de pluralização da imagem corporal na fotografia, trazendo histórias que estavam fora do campo de interesse da criação tradicional de imagens.

Eu sempre carreguei comigo o manto de ser uma mulher tímida, mas recentemente eu comecei a refletir sobre isso e acho que não se tratava totalmente de ser apenas tímida, mas que eu era uma mulher silenciada também, uma mulher que tinha diversos questionamentos, mas sentia que não tinha voz pra falar, para se expressar. A fotografia e o feminismo me trouxeram autonomia e voz pra falar sobre essas coisas.

Contato: @ursulajahn

www.ursulajahn.com.br


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s